O que é cozinha gourmet e vintage?

Saiba o que é cozinha gourmet e vintage, que são termos bastante usuais em termos de espaços modernos, apesar de um deles se referir ao passado. Confira.

Embora esses dois termos estejam muito na moda hoje em dia, na verdade estamos falando de estilos. Estilos de decoração.

O que vai definir se a sua cozinha é do tipo gourmet ou vintage, será a sua decisão na hora de escolher a decoração e a funcionalidade.

Mas vamos primeiro entender o que cada um desses estilos significa.

Definições:

Gourmet

Esse termo geralmente está associado à comidas e bebidas mais sofisticadas. É uma palavra em francês, sem tradução, cuja principal intensão é refletir a qualidade e a aparência de alguma coisa.

Se falamos em uma comida gourmet, estamos nos referindo a alimentos elaborados com cuidado, qualidade e de forma mais sofisticada. Não necessariamente ingredientes sofisticados, pois é possível transformar algo trivial como arroz e feijão em uma comida mais gourmet. O que importa é que sejam preparados com qualidade e bem apresentados, de acordo com um padrão da Alta Cozinha (arte culinária originária na França).

Uma bebida gourmet é um bom vinho para acompanhar uma refeição de qualidade.

Um restaurante gourmet é aquele que oferece pratos sofisticados para experiências gastronômicas mais elevadas e paladares mais elaborados. Assim como o chef gourmet, que prepara os pratos.

O termo ainda é usado para dar nome a pessoas com paladar muito apurado, que conseguem distinguir temperos, condimentos e bebidas. É chamado simplesmente de Gourmet.

Mas um termo que vem tomando muito espaço nas casas, condomínios e espaços comunitários é o chamado Espaço Gourmet. É um espaço que agrega ao mesmo tempo um ambiente de convivência e de culinária. Ou seja, nele você ao mesmo tempo cozinha e compartilha com amigos ou família os pratos que prepara.

A cozinha gourmet é um desses espaços, cuja proposta é ter funcionalidade para preparar pratos gourmet e ao mesmo tempo boa aparência e conforto para receber os amigos. Esse tipo de cozinha Serve para quem gosta de preparar eventos gastronômicos (não é um churrasco entre amigos). A comida agrega as pessoas, conforta, une. E os convidados participam provando e adivinhando ingredientes e sugerindo misturas e sabores no preparo.

Vintage

Esse termo pode ser traduzindo como o que é antigo. São coisas que realmente são antigas ou que parecem ser antigas (cópias), mas que são de muita qualidade e bem feitas.

Geralmente remete ao estilo e objetos de decoração do período entre os anos 20 e 60. É o mesmo que retrô, que significa retroceder no tempo.

Entenda que não estamos falando de algo velho, ultrapassado ou brega. Estamos falando em um estilo muito clássico que une imagens (como as Pin ups, os cup cakes ou propagandas antigas), cores (principalmente os tons mais pálidos de azul, verde e rosa) e formatos (mais arredondados).

É um gosto pessoal, quase uma paixão para quem curte.

O que deve ter uma Cozinha Gourmet

O que não pode faltar em uma cozinha desse estilo é o espaço para cozinhar associado ao espaço para receber. Então é necessário no mínimo uma bancada ou mesa para os convidados, dependendo do número de pessoas que você costuma receber.

Os convidados devem ficar à vontade, acompanhando o ato de preparar os pratos gourmet e até participando, como falamos acima.

Os pratos sofisticados geralmente são imediatamente servidos quando ficam prontos, então as pessoas cozinham, sociabilizam e comem. É um espaço muito agregador.

Se a sua cozinha for muito pequena, o ideal é unir com a sala para poder juntar o espaço de cozinhar com o de estar. E deve ter cadeiras ou bancos para as pessoas se sentarem. E mesa, é claro. Ninguém vai comer com o prato na mão em um espaço gourmet!

A ilha das cozinhas planejadas tem essa função. Assim como as cozinhas americanas, que unem a cozinha a mesa da sala.

O que deve ter uma Cozinha Vintage

São vários os itens que devem estar presentes para caracterizar uma verdadeira cozinha vintage. Não adianta somente pintar nas cores da época. Os móveis e utensílios também devem acompanhar o estilo.

Você deve ser lembrar da cozinha da casa da sua avó (mas só vale se você tiver mais de 40 anos).

Lembra que os móveis eram mais geométricos e tinham pés finos? E a geladeira clássica que tinha uma alavanca para abrir a porta?

Pois é, todos os eletrodomésticos devem seguir a linha: geladeira, fogão, batedeira, liquidificador, torradeira, cafeteira. Microondas ainda não existia, mas é possível adquirir modelos no estilo no mercado.

As cores da cozinha também devem seguir o estilo, assim como os móveis.

Adianto que qualquer peça vintage é bem mais cara que os modelos atuais. Primeiro por que são de qualidade superior, muito bem feitos. Geralmente só as melhores marcas e importadas fabricam, e são quase peças exclusivas.

Mas vale a pena, por que são lindas e estilosas. Para quem gosta do gênero.

E o mais importante: Naquela época as mulheres usavam saia e avental para cozinhar, portanto é uma peça indispensável em uma cozinha vintage. Não esqueça o seu!

 






Casa Dicas // 2012-2016 // Deus seja Louvado | Política de Privacidade