TV a cabo ou por assinatura é bom. Vale a pena assinar?

A televisão tem uma antiga presença em nossas casas, com programação para quase todos os gostos. Mas a TV a cabo ou por assinatura é boa? Vale a pena assinar?

Como consumidora de TV a cabo, com experiência em assinatura em diferentes fornecedoras, não acho que seja um bom serviço e cheguei à conclusão que não vale a pena ter, ainda.

Mas não vamos nos precipitar, vou explicar detalhadamente os prós e contras dos serviços e você mesmo vai poder tirar as suas conclusões.

Vamos começar primeiro entendendo o que é o serviço.

Você sabe a diferença entre TV aberta e TV fechada? Muita gente confunde.

TV Aberta

A TV aberta é aquela que você usa normalmente em sua casa, sem ter que pagar por ela. São os canais convencionais, abertos, brasileiros, como SBT, Globo, Bandeirantes, Record, Rede Teve, entre outras e suas afiliadas.

Em algumas regiões, para melhorar a captura do sinal, é necessário instalar uma antena. Mas o fornecimento de uma programação televisiva diária é gratuito.

TV Fechada

Já a TV Fechada, ou melhor, a TV por assinatura (que também é chamada “a cabo” e outras designações), além de fornecer os canais da rede aberta brasileira, fornece ainda canais fechados. Esses canais são canais estrangeiros que não são gratuitos, e por isso deve ser para uma mensalidade para poder assisti-los. Geralmente funciona através de uma antena parabólica especial, ou por satélite, e um cabo ligado a um decodificador.

A TV por assinatura surgiu no Brasil no final dos anos 80. Nessa época ainda era um serviço bem rudimentar, mas alguns canais internacionais já podiam ser vistos (canais de notícias como a CNN e outros poucos). Até por que não existiam muitos.

Hoje não só a forma de fornecimento evoluiu, a quantidade de canais também. Estão divididos em temas como esportes, filmes e séries, entretenimento, notícias, infantis, entre outros.

Como funciona a assinatura?

Existem cerca de 200 canais de TV fechada atualmente. As fornecedoras oferecem planos de assinatura com graduação de valor e números de canais. Quanto mais canais, mais caro é o plano. Então os planos mais baratos tem poucos canais (basicamente os canais da TV aberta, gratuitos), e os mais caros tem os 200 canais (incluindo os canais HD, em alta definição de imagem).

Esses planos também podem ser oferecidos em formato de combos, já que a mesma fornecedora dos canais de TV também oferece serviços de telefonia e de internet.

Vantagens

Desvantagens

Depois disso tudo, vale a pena assinar?

Existem algumas situações em que vale a pena assinar, são elas:

Mas se isso for representar um sacrifício na sua renda mensal, não faça! No primeiro mês vai ser novidade, no segundo. Mas logo você vai ver que a programação é muito repetitiva e muitas vezes, mesmo com os quase 200 canais, fica sem opção.

Para quem gosta de filmes e esse é o motivo para querer uma TV por assinatura, pior ainda.

Recomendo

Eu optei em não ter TV por assinatura. Economizo, não me estresso e ainda vejo mais variedade de filmes e séries, podendo escolher na hora e onde eu quiser.



 






Casa Dicas // 2012-2016 // Deus seja Louvado | Política de Privacidade