Estofados jardim. Sofa para varanda ou área externa

Muito difícil a decisão de escolher um sofá para áreas externas da casa. As vezes uma má escolha pode gerar muito arrependimento e prejuízo.

Vamos por partes. Primeiro faça um planejamento anotando todos os questionamentos que podem influenciar na sua escolha, como por exemplo:

Pois é, mas fique tranquila(o) que para tudo tem um jeito. Resumindo, temos que pensar no modelo, no material, no tecido do estofamento e no preço.

1 – O modelo e o material

Existem muitos modelos disponíveis no mercado. Vai depender do local aonde ele vai ficar e do espaço disponível.

Varandas:

Quintal:

Piscina

Agora, se você tiver um gazebo…Sabe o que é? Aquelas estruturas cobertas que podem ser de armar com lona, ou com telhado de palha, mas que tem as laterais abertas ou no máximo com cortinas de tecido bem fino. Servem para ficar no ambiente externo relaxando, mas não totalmente exposto ao tempo. Existem modelos de sofá bem largos, que podem ser de formato retangular (quase quadrados na verdade) ou redondos, de madeira ou vime, e que permite que a pessoa fique deitada. É muito agradável!

2 – Vai ter estofado? Qual o tipo de tecido? Com cor ou estampa?

Então, seja qual for o ambiente (varanda, quintal ou piscina), você pode usar estofados. Mas se você não quer ter que tirar todos os dias e guardar dentro de casa, recomendo que opte por tecidos impermeabilizados, próprios para ambientes externos.

Por isso não é recomendável usar sofás do tipo convencional (de tecido, couro ou corine), mesmo em varandas cobertas. O material não resiste ao tempo.

O tecido impermeabilizado pode ser molhado, lavado e é mais resistente. A maioria dos fabricantes de móveis oferece uma variedade grande de cores e estampas à sua escolha.

Lembrando que os tecidos estampados, além de alegres, disfarçam melhor manchas e encardidos com o tempo de uso e são mais apropriados se o sofá for muito utilizado (principalmente pelas crianças ou o seu bichinho de estimação).

3 – Com relação ao custo

Se você já sabe o que quer a melhor forma de economizar e fazer uma boa pesquisa de mercado. Pesquise inclusive pela internet, pois atualmente não é raro achar ofertas melhores nas compras online do que nas lojas. Só fique atento e confira, se possível antes da compra, se realmente é aquilo que está descrito (com relação ao modelo, material etc). Por que depois que entregam na sua casa fica muito mais difícil de trocar.

Faça você mesmo!

Um detalhe que eu deixei para esse momento do custo é que você pode fazer seu próprio sofá.

Existem modelos muito fáceis de fazer e que estão na moda:

Ah, lembra do tecido impermeabilizado do sofá? Ele também serve para fazer almofadas e puffs, que podem completar a decoração e deixar o ambiente mais aconchegante e confortável. Faça (ou encomende) de cores ou estampas diferentes para harmonizar.

E agora que já pesamos todos os prós e contras e você já tem uma noção do que deve e o que não deve escolher, mãos à obra!

 






Casa Dicas // 2012-2016 // Deus seja Louvado | Política de Privacidade