Dicas e informações sobre casa e construção

O que são cozinhas moduladas, embutidas ou integradas?

A cozinha é certamente o ambiente de uma casa que mais usamos, dada as suas múltiplas funções, passamos boa parte do tempo em casa na cozinha. Com isso é de vital importância torná-la funcional para que seu uso possa ser otimizado da melhor forma possível.

Isto também se aplica a como ela é planejada e quais os tipos de móveis e utensílios que usamos nela. Veja abaixo alguns dos modelos de cozinha que podem ser adotadas.

Armário de cozinha

Cozinha modulada

Uma cozinha modulada é a que possui móveis moduladas, sendo prática e criada para atender completamente as necessidades de qualquer tipo de família. Ela é planejada para ser eficiente disponibilizando um maior espaço para mantimentos e utensílios domésticos.

Os móveis modulados possuem a característica de caberem em qualquer espaço. Eles são bem mais econômicos, mas, também, são de boa qualidade e vêm prontos da fábrica.

Ao ter uma cozinha modulada, você pode conseguir um resultado semelhante ao de uma cozinha planejada, mas pagando menos. A montagem dos armários de cozinha modulada é mais barata, porque não estará pagando pelos valores altos cobrados por lojas, com necessidade de um projetista e um marceneiro.

A desvantagem que o móvel não é adaptado, e por isso, os armários de cozinha tem que caber no espaço disponível. Para ter uma cozinha modulada é importante medir tudo corretamente antes de escolher e comprar os módulos.

Como escolher?

Para aproveitar o espaço da sua cozinha de forma eficiente, antes de medir, é preciso medir o espaço total para que o caminho não fique bloqueado na área do fogão, da pia e a geladeira.

É necessário saber onde ficam os canos de água e a fiação elétrica na parede. Dessa forma, será mais fácil distribuir os módulos, deixando alguns móveis perto de tomadas, sem o risco de perfurar um local errado durante a instalação.

Cozinha embutida

Uma cozinha embutida é constituída de armários suspensos e uma bancada alongada para uma maior capacidade para um armazenamento de forma otimizada e funcional.

Ela é indicada para casas e apartamentos que possuem pouco espaço. Elas podem ser desenhadas com um mobiliário modular, mas, principalmente para móveis planejados.

O modelo de cozinha embutida é de fácil instalação e de integração perfeita, deixando espaço disponível. Ele é feito para atender às principais necessidades dos moradores, possuindo fornos e eletrodomésticos alinhados de forma funcional. O forno, por exemplo, pode ser instalado em uma altura que evite que uma pessoa tenha que se abaixar constantemente.

Com a cozinha embutida, você pode criar ótimas formas para fazer adaptações para o armazenamento de diversos objetos, com muita funcionalidade. Haverá uma maior amplitude, com uma boa bem organização que proporcione boas experiências.

Dentre as desvantagens de ter uma cozinha embutida, está o custo elevado para projetá-la. Além disso, alguns reparos podem trazer grande dificuldade, devido ao fato de serem feitas para o espaço já definido e limitado.

Ela não indicada para pessoas que gostam de mudanças constantes na decoração. Também, não é a ideal para ser usada em apartamentos ou casas alugadas, já que seria um investimento perdido se ocorrer uma mudança de endereço.

Como escolher?

Leve em consideração o espaço disponível na cozinha, a localização da instalação hidráulica, onde ficará cada coisa, tamanho da pia, quantas gavetas serão necessárias, o tipo de material e acabamentos, disposição da iluminação no espaço...

Cozinha integrada

A cozinha integrada, também, é conhecida como cozinha americana, não há uma separação muito forte com paredes e portas. Ela precisa só de meia parede para fazer separação da sala de jantar, sendo que esta meia parede, normalmente, possui uma pedra em cima que funciona como um balcão entre a cozinha e a sala de jantar e sala de estar.

Uma cozinha desse modelo é ótima para espaços pequenos, dando a sensação de amplitude por não haver divisões. O balcão que divide a cozinha da sala pode ser planejado e para fazer refeições rápidas ou para receber amigos.

Para obter uma integração completa, é preciso investir em móveis que combinem nos espaços. Isso pode precisar de grande investimento em mobiliários que devem ficar sob medida ou peças únicas que complementam o espaço. Mas apesar do gasto, os espaços da cozinha ficarão completamente personalizados.

Como escolher?

A cozinha precisa de um projeto feito por um arquiteto para definir se é uma boa opção e para que tudo se adapte a casa. Mas, o próprio proprietário, pode fazer as mesmas dos outros modelos.

Há casos em que ter uma cozinha integrada não é uma boa opção, e só o profissional de arquitetura será capaz de verificar isso. Assim, o projeto criado poderá atender melhor às necessidades.

Gostou? Compartilhe



© 2012-2019 | Casa Dicas | Deus seja Louvado | Política de Privacidade