Dicas e informações sobre casa e construção

Cursos na área da construção civil no Senai e Sebrae

Conheça as opções de cursos na área da construção civil em escolas como o SENAI e o SEBRAE e as opções para formar profissionais para atuar nesta área. Depois de concluir um curso, estarei apto a trabalhar na construção civil?

Diferentemente de outros cursos a área de construção civil não possui uma gama muito variável de preparação profissional, assim os poucos cursos que são oferecidos, possuem alto índice de procura nas poucas instituições que oferecem.

A construção civil é uma área em ascensão e que está oferecendo grandes oportunidades para os mais diferentes grupos de pessoas, mas para saber se você se encaixa no perfil ou ainda se a área lhe interessa, temos que saber o que é e para o que serve a construção civil.

Construção Civil profissionais

A construção civil é tudo aquilo que engloba a construção de casas, edifícios, pontes, barragens, aeroportos, estradas e demais infraestrutura, onde vários profissionais trabalham em conjunto, ou seja, a formação para construção civil pode ser composta de vários cursos e serve para termos profissionais competentes nas construções em geral.

Cursos na área da construção civil

SENAI

O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) oferece um rol de cursos voltados ao setor da construção civil muito valorizados, está instituição possui um curso técnico na área, denominado de “técnico de edificações”.

Neste curso o profissional será habilitado em participar da obra mantendo o bom funcionamento, bem como o planejando e executando ações necessárias para a continuidade do projeto.

Esse curso de construção civil no SENAI é oferecido no modo presencial, com 1500 horas na grade do curso técnico, as vagas são limitadas e não são todos as cidades e unidades que a oferecem, por isso veja aqui se sua cidade e a unidade próxima a sua casa possui esse curso técnico.

Está instituição oferece ainda no ramo de construção civil cursos livres para quem almeja se especificar em determinada área, uma vez que são cursos menores e que lhe qualifica apenas numa área determinada e assim especifica da construção civil. Veja alguns desses cursos:

  • Alvenaria industrial – 60 horas presenciais;
  • Armador de ferro – 160 horas presenciais;
  • Autocad 2D aplicado a construção civil – 48 horas presenciais;
  • Autocad 2D aplicado a esquadrias de alumínio – 48 horas presenciais;
  • Carpinteiro de estruturas de telhado – 160 horas presenciais;
  • Carpinteiro de formas – 160 horas presenciais;
  • Competência transversal – desenho arquitetônico – 14 horas à distância;
  • Encarregado de pedreiro – 60 horas presenciais;
  • Instalador hidráulico – 160 horas presenciais;
  • Mestre de obras – 600 horas presenciais;

  • Pedreiro assentador – 160 horas presenciais;
  • Pintor imobiliário – 160 horas presenciais;
  • Pintura decorativa – 40 horas presenciais;
  • Serralheiro de alumínio – 160 horas presenciais;
  • Vidraceiro – 160 horas presenciais; e etc.

Acesse por aqui e veja mais sobre os cursos técnicos e livres oferecidos no SENAI, bem como qual a unidade que oferta esses cursos.

SEBRAE

O Serviço brasileiro de apoio às Micro e Pequenas empresas (SEBRAE) é um serviço autônomo, onde auxilia o empreendedorismo e dessa forma sua valorização.

Com isso além de não possuírem uma gama de cursos voltados especificamente a área da construção civil, eles ofertam esporadicamente cursos livres e que muitas vezes são gratuitos cursos voltados para o a construção civil.

Lembrando que o empreendedorismo não é somente ser contrato por uma construtora ou afins, muitas vezes terá que lidar diretamente com o público, e dessa forma elaborar custos e gerenciamento de muitos itens, bem como o entendimento de inovações, leis, planejamento e muitos outros ramos.

Fique atento a aberturas de cursos, pois são sempre muito procurados e com vagas limitadas, acesse aqui o site do SEBRAE e verifique oportunidades que lhe interesse.

As duas instituições possuem grandes oportunidades e dessa forma ofertam mais conhecimento e qualidade no que produzem, fazendo com que melhores oportunidades surjam da mesma maneira que faz crescer a valorização do setor da construção civil. A Construção civil: Cursos no SENAI e SEBRAE é referência no mercado.

Perguntas e respostas

Qual a diferença entre curso técnico e curso livre?

Um curso técnico tem a regulamentação do Ministério da Educação e os órgãos estaduais de educação competente, assim ele deve obedecer a critérios definidos pelo MEC como carga horária mínima, perfil de conclusão e outros requisitos a serem atendidos.

Já um curso livre é aquele que pode ser oferecido sem a necessidade de uma regulamentação específica e assim cabe a instituição definir os critérios que o curso atenderá como a sua carga horária, o programa do curso, a infraestrutura, bem como outros itens pertinentes.

Os cursos livres oferecem certificados?

Sim, em sua maioria eles oferece. Como explicado acima isso fica a critério da instituição, uma vez que eles não tem uma regulamentação oficial, a inclusão ou não de um certificado fica a critério de quem oferece o curso, mas em quase todos os casos é possível que exista sim um certificado atestando o que você concluiu aquele curso.

O certificado não é obrigatório para todos os cursos?

Certificado é apenas um documento que comprova que você fez o curso. Desta forma, é possível pensar que mesmo os cursos que eu não tenho nenhum tipo de regulamentação oficial, devam de fato oferecer um certificado como uma comprovação de que você concluiu aquele curso. Mas isto não é uma obrigatoriedade, muito embora seja extremamente comum e acredito que aconteça na maioria, se não, em todos os casos.

Depois de concluir um curso, estarei apto a trabalhar na construção civil?

Um curso, seja ele qual for, tem como finalidade preparar o aluno para atuação na área em que ele está estudando, mas isto não significa que ao terminar o curso você estará pronto para trabalhar naquela área. Por algumas razões, muitos alunos se destacam mais do que outros, enquanto alguns já saem com uma boa condição para trabalhar, outros precisaram de aperfeiçoamento maior e talvez algum reforço em alguma área para poder atuar no mercado de trabalho. Logo não é possível afirmar com certeza que todos os alunos estarão aptos a trabalhar, mas espera-se que tenham alguma condição de avaliar isso durante o curso e quando terminar e se sentir segurança, poderão atuar dentro da área que eles fizeram curso.

Vale lembrar que algumas áreas são específicas para quem tem formação superior, como é o caso de arquitetura, urbanismo, engenharia civil e outros ramos da construção civil não podem ser exercidos por pessoas que não tenha diploma de nível superior e o registro e seus respectivos conselhos.

Gostou? Compartilhe




© 2012-2019 | Casa Dicas | Deus seja Louvado | Política de Privacidade