Dicas e informações sobre casa e construção

Umidificador de ar: O que é e para que serve?

Você sabe para que serve o umidificador de ar e quais as principais vantagens ou benefícios que ele traz para a saúde, especialmente para certas pessoas? Veja esta dica importante para o uso deste aparelho em casa para melhorar a umidade do ar.

Como sabemos, a qualidade do ar é um fator extremamente importante para a saúde das pessoas, com isso um ar muito poluído o seco pode trazer problemas de natureza leve ou até graves, dependendo da intensidade, da resistência da pessoa e de outras condições associadas.

O ar contém unidade e quanto mais próxima ela estiver de 100% melhor para a saúde humana. Ao longo do dia a umidade do ar oscila bastante, sendo no período do início da manhã quando ela atinge normalmente os seus níveis mais altos e no final da tarde começo da noite normalmente ela atinge os níveis mais baixos. Isso tem a ver com o efeito do sol que aquece o planeta e acaba retirando a umidade do ar. Em dias sem sol, normalmente a umidade do ar não cai tanto.

Mas isto varia bastante de região para região e no Brasil existem locais que são tradicionalmente secos, como a cidade de Brasília por exemplo, enquanto outros são tradicionalmente úmidos como é o caso da região da floresta amazônica. Mas de maneira geral as condições oscilam de local para local.

Também existe a questão da época do ano onde na região sudeste, por exemplo, na época do inverno é extremamente seca, quando em alguns casos a umidade do ar pode chegar a níveis muito baixos.

Umidificador de ar

Umidificador de ar

Para quem mora em regiões muito secas ou para aqueles que sofrem um pouco mais quando a umidade do ar baixa muito, uma boa alternativa é utilizar o umidificador de ar. Este aparelho que é relativamente barato cumpre uma função importante e pode ajudar muitas pessoas a evitar diversos problemas de saúde, especialmente aqueles relacionados com o ressecamento mentor da pele, trincas e doenças do aparelho respiratório.

O umidificador de ar tem um reservatório onde você preenche com água e ele quando ligado ele vai usar esta água para jorrar em forma de minúsculas gotículas, formando umidade no micro ambiente. Existem modelos de vários tamanhos e com potências diferentes, para atender a diversas necessidades.

Fazendo uma pesquisa visual no site do Magazine Luiza, percebi que havia modelos de 1 litro a 11 litros, mas é possível encontrar modelos até maiores do que este. Acredito que os modelos de 2 a 5 litros sejam os mais comuns e que atendam à maioria das necessidades.

Como Usar:

  • Escolha um local apropriado para colocar o umidificador. Eu gosto de analisar a direção do fluxo de ar no ambiente e assim posicionar o umidificador em um local onde o fluxo de ar espalhe a umidade;
  • Encha o reservatório com água. Tenho o hábito de encher bem o reservatório;
  • Se o ar estiver muito seco, deixe ligado no máximo. Eles geralmente têm controles de saída de umidade, mas eu gosto de trabalhar com ele no máximo.
  • Os horários mais necessários são a partir do meio dia até umas 11 da noite, mais ou menos. Se você olhar os sites de previsão do tempo, como o Climatempo, por exemplo, eles mostram os horários em que a umidade do ar estará mais baixa na sua cidade. Este é um bom parâmetro para programar os horários de uso.

Os principais problemas que a umidade baixa do ar pode causar são as seguintes:

  • Ressecamento da pele. Em alguns casos pode ser extremo chegando a trincar a pele.
  • Garganta seca, causando irritação e tosse.
  • Olhos secos causando irritação como se tivesse uma areia nos seus olhos.
  • Nariz ressecado.
  • Esses fatores podem causar doenças respiratórias, especialmente para pessoas que já tem algum tipo de histórico desse tipo de doença.
  • Dentre outros.

Além do uso do umidificador, outras técnicas podem ser usadas para manter o ar mais úmido ou para se proteger em caso de baixa umidade. Dentre essas dicas podemos destacar:

  • Colocar uma bacia de água próximo da cama na hora de dormir.
  • Usar um lenço umedecido periodicamente no nariz para procurar umedecer a parte externa. O soro fisiológico também pode ser usado.
  • Tomar bastante água durante o dia. Recomendável tomar pelo menos 2 litros de água por dia.
  • Ter plantas em casa e na parte externa como árvores e outras que possam ajudar a manter a umidade do ar mais alta.
  • Evitar queimadas, pois elas pioram e muito a umidade do ar.
  • Deixar o chuveiro ligado no quente por um período vai promover a formação de bastante umidade dentro do banheiro. Permanecer ali depois por um tempo ajudará a respirar um ar mais úmido.
  • Dentre outras estratégias

Bônus:

Por muito tempo eu tive e ainda tenho um sério problemas com o ressecamento dos pés, especialmente do calcanhar que chega a trincar em épocas muita secas. Já fui em dermatologistas e nada resolveu o problema.

Com o tempo e um pouco de experiência a gente vai aprendendo e percebi que esse problema ocorria quando a umidade do ar ficava muito baixa. Assim, adotei o uso de calçado fechado durante todo o tempo, pois nos finais de semana eu gostava de ficar em casa de chinelo. Também não uso bermuda nesses dias e sim calça jeans. Quando mais exposto seu corpo ficar em dias de baixa umidade, mais ressecado ficará.

Combinado a isso, uso o umidificador e cremes nas regões onde resseca mais. Pelo menos no meu caso melhorou bastante o problema.

Gostou? Compartilhe




© 2012-2019 | Casa Dicas | Deus seja Louvado | Política de Privacidade