Dicas e informações sobre casa e construção

Índices INCC, IGPM e IPCA: O que é e como é feito o cálculo

No material de hoje você vai poder conhecer mais sobre um dos principais índices de reajuste do mercado imobiliário, o IGPM, e compreender a função do IPCA e INCC dentro desse índice maior.

Para quem está de olho no mercado imobiliário, já deve ter percebido que ele é bem volátil, recebendo mudanças específicas por diversas vezes e sem um período ideal para o acontecimento, precisando assim que os preços e demais detalhes dentro do mercado imobiliário tenham a mesma capacidade e possam se reajustar com frequência, sem prejudicar os processo e desenvolvimento de atividades no meio. Os índices INCC, IPCA e IGPM são versões de índices de reajuste do mercado imobiliário.

Todos os índices de reajustes utilizados no mercado imobiliário servem como formas de calcular valores maiores e menores de acordo com a média trabalhada no momento, visando assim acompanhar as modificações sofridas e continuar com alta produtividade, levando em consideração a o comportamento da inflação anual e ainda em episódios de períodos não anuais.

Índices INCC, IGPM e IPCA

No material de hoje você vai poder conhecer mais sobre um dos principais índices de reajuste do mercado imobiliário, o IGPM, e compreender a função do IPCA e INCC dentro desse índice maior. Quer saber tudo sobre? Então, vamos lá!

O índice IGPM

Um dos índices de reajustes do mercado imobiliário mais importante é o IGPM, sendo uma sigla que faz referência ao Índice Geral de Preços do Mercado Imobiliário, sendo uma das muitas variáveis atribuídas ao IGP, ele é auferido todos os meses pela instituição FGV, conhecida como Fundação Getúlio Vargas que vem desenvolvendo desde o ano de 1947, o registro da inflação de preços das matérias primas de indústrias e produtoras agrícolas de bens e serviços do consumidor fiscal, contando ainda com aluguéis e carros.

Como calcular o índice IGPM

O calculo do IGPM é bem relativo e leva em consideração os demais cálculos feitos nas outras variáveis, como IPA, IPC e INCC, sendo respectivamente as partes integradas do cálculo, 60%, 30% e 10%. O cálculo pode levar em consideração aspectos gerais e ainda trabalhar na sua versão acumulada, sendo ela bem menos específica. Com base nos três pesos dessas variáveis a Fundação Getúlio Vargas realiza o cálculo entre o dia 21 do mês anterior e o dia 20 do mês atual.

O índice INCC

O índice INCC, Índice Nacional de Custos da Construção, toma por base uma espécie de reajuste que ocorre baseado no índice de dois meses anteriores. Vale lembrar que ele não se aplica para o reajuste de preços no valor de imóveis habitacionais em construção, sendo assim aplicado apenas para os casos onde há financiamento do imóvel em construção. Se o pagamento for feito a vista pelo comprador do imóvel, o preço não sofrerá o reajuste, o índice INCC será incidido sobre o saldo devedor da pessoa, até que haja a quitação total.

O índice IPCA

O Índice IPCA é feito de acordo com a observação que leva em consideração aspectos trabalhados nos demais índices aqui listados. O IPCA é considerado índice de Preços ao Consumidor Amplo, sendo considerado o termômetro oficial da inflação dentro do país, tendo como objetivo principal fazer o monitoramento da variação de preços dos produtos dentro do mercado para o consumidor final.

O IPCA é calculado todos os meses, através de pesquisa de preços que são levantadas pelo IBGE, sendo realizado observando aspectos em estabelecimentos comerciais, domicílios, com prestadores de serviços e concessionárias de serviços públicos. O cálculo trabalha com categorias que tem peso diferente dentro do valor total do índice, sendo algumas delas, por exemplo, alimentação e bebida 23,12%, artigos de residência 4,69%, transportes 20,54%, comunicação 4,69%, entre outros.

Cada tipo de peso dentro do calculo do índice leva em consideração a importância que cada tipo de variável estabelece para o que o simulador leva em consideração como hábitos de um consumidor amplo, tendo como principais índices, alimentação e bebidas, artigos de residência, transportes, comunicação, despesas pessoais, habitação, saúde e cuidados pessoais, vestuário e ainda educação.

Gostou? Compartilhe



© 2012-2019 | Casa Dicas | Deus seja Louvado | Política de Privacidade