Dicas e informações sobre casa e construção

Tomadas 110 e 220, como fazer a distribuição delas em casa?

Veja porque é preciso ter corrente elétrica e tomadas 220 em uma casa e como fazer a distribuição delas com as demais tomadas de corrente elétrica 110 volts? Veja as dicas.

A maioria das casas hoje tem capacidade para lidar com 220 volts em seus sistemas elétricos.Secadores modernos, fogões, aquecedores de água quente e outros aparelhos usam o padrão de alta voltagem, que pode fornecer o dobro dos 110 volts usados ​​por computadores, televisores, aparelhos menores e outros aparelhos eletrônicos.As chances são de sua casa já tem a capacidade de usar 220 volts, mas algumas casas mais antigas não têm e, portanto, não têm como alimentar equipamentos mais pesados.Felizmente, com a ajuda de um eletricista, você pode adicionar serviço de 220 volts à sua casa ou operar mais 220 circuitos se precisar adicionar saídas extras.Existem muitos detalhes que devem ser considerados na fase de projeto da sua casa, entre esses detalhes estão a quantidade de tomadas, a distribuição delas pela casa e em cada cômodo e ainda como e onde ficarão das tomadas 110 e 200 volts. Mas não dá para usar apenas um tipo de tomada?

Trazendo a tensão máxima

Casas modernas conectadas à rede de eletricidade consomem energia da concessionária a 220 volts, que é então dividida em duas linhas de 110 volts. Essas linhas são o que traz eletricidade para suas tomadas convencionais, para que você possa conectar e usar seus dispositivos sem sobrecarregá-los com energia. As casas construídas nos últimos anos podem, portanto, acomodar também circuitos de 220 volts, que podem ser distinguidos na caixa do circuito, porque os interruptores usados ​​são duas vezes maiores do que os dos circuitos de 110 volts.

As casas mais antigas, no entanto, às vezes só têm capacidade para 110 volts no total. Se for esse o caso em sua casa, você precisará atualizar se você quiser usar muitos dispositivos modernos e, certamente, se você quiser vender sua casa ou atualizá-la em questões de código local. Se você não tem certeza se sua casa tem serviço de 220 volts, chame sua concessionária ou peça a um eletricista para dar uma olhada.

Por que é preciso ter 220?

Primeiro é preciso entender que é importante planejar e ao planejar temos de fazer perguntas e dentre elas é se todos os eletroeletrônicos usam tomadas 110. Você verá que em alguns casos a resposta é não, pois existem alguns que são específicos para 220, como é o caso do ar condicionado, por exemplo.

Outras situações

Independente de ser tomada ou não, existem outros casos onde a corrente de 220 volts é usada, como no caso do chuveiro, especialmente se você tiver mais de um, nesse caso é altamente recomendável usar a corrente 220 ao invés de 110.

Como distribuir as tomadas

Penso que o ideal seria você tratar as tomadas como regra e exceção. Neste caso 110 é a regra e 220 é a exceção. Com isso você planeja inicialmente todas as tomadas pela regra e depois veja onde há a probabilidade de usar alguns eletroeletrônicos que irá usar a corrente 220, então neste local você substitui. Quando não houver certeza, você poderá colocar duas tomadas, sendo uma 110 e outra 220, assim não haveria risco.

Qual delas é melhor?

Na verdade não se trata se ser melhor ou pior, não é algo que podemos escolher baseado em fatores que entendemos trazer vantagem ou não. Em muitos casos os próprios eletroeletrônicos é que acabem determinando isso e temos apenas que adequar a eles. No caso do chuveiro sim você pode escolher, mas se tiver vários chuveiros em 110, pode ser que tenha problemas de queda de energia.

Por Redação e Aline Priscila da Silva Muniz Nóbrega

Gostou? Compartilhe




© 2012-2019 | Casa Dicas | Deus seja Louvado | Política de Privacidade