Dicas e informações sobre casa e construção

5 coisas que aprendi com a construção de uma casa

Construí uma casa e aprendi que não é bom ter muita pressa, que o planejamento, a administração e outros é de vital importância. Ao final, nem tudo vai fica como queríamos.

Durante a construção da minha casa aprendi muitas coisas e gostaria de compartilhar com vocês pelo menos 5 itens para mim foram de grande aprendizado na construção da minha casa, que certamente me ajudarão em futuros projetos e que possivelmente poderá ser útil para quem ainda pretende fazer sua casa.

Apesar de ter aprendido muita coisa, dividi em 5 pontos mais importantes que julgo relevante comentar aqui e consequentemente dar uma luz para aqueles que estão ainda dando os primeiros passos neste importante empreitada. Vamos lá.

Planejamento vai muito além de plantas

Planta arquitetura

O planejamento é importante em tudo que fazemos na vida e na construção de uma casa não é diferente. Contudo, ele vai muito além do que meras plantas arquitetônicas, é preciso pensar em planejamento financeiro, planejamento de tempo para acompanhamento da obra, compra de materiais, planejamento de entrega desse materiais, entre outros.

As plantas que os arquitetos fornecem são a espinha dorsal de tudo e a construção precisa ser fiel a elas, mas elas são importantes para os construtores e também para você saber qualquer será o resultado final.

Já o seu planejamento precisa andar junto com tudo isso, mas não está necessariamente atrelado a ele. Eu diria que em pelo menos três itens você precisará ter um bom planejamento:

  • Financeiro: Muita coisa gira em torno do dinheiro na construção e a falta dele ou a limitação, pode sem dúvida trazer problemas. Então planeje o dinheiro e administre ele da melhor forma possível.
  • Tempo: Se você não tem disponibilidade de tempo nem pense em começar a construir, exceto, se delegar a outra pessoa a responsabilidade de administrar a obra.
  • Comunicação: Fator importante em tudo que fazemos e aqui não é diferente. Comunicar com pedreiros, prestadores de serviços, fornecedores, arquiteto e engenheiro, entre outros.

Paciência é importante

Cubo paciencia

Ter paciência é algo muito necessário, pois não é fácil lidar com pedreiros, arquitetos, engenheiros e outros profissionais envolvidos na construção. Cada pessoa tem um ritmo de trabalho, um temperamento e forma de relacionar com os outros. Sem paciência, as coisas podem ser mais difíceis.

Quando citei acima o planejamento de comunicação, em partes tem haver como a maneira que irá se comunicar com cada um. Algumas pessoas visitam a obra de manhã ou no final da tarde e faz o contato por telefone com os construtores. Outros, como foi o meu caso, optam por uma participação mais ativa durante todo o dia e falando pessoalmente.

Administrar a obra é essencial

Um dos 5 itens que aprendi é que administrar a obra é um trabalho árduo, mas essencial para o sucesso. Tenha tudo na ponta do lápis e aliado ao bom planejamento, acompanhe cada detalhe. Eu sei que isso irá lhe custar um tempo precioso, mas como disse acima, o tempo também precisa ser planejado.

Administrar a obra é em outras palavras garantir que o material certo, estará na hora certa, no lugar certo e com as pessoas certas trabalhando com ele. Esta fórmula é extremamente simples de escrever ou falar, mas dá muito trabalho e exige muito planejamento e esforço para garantir que ela seja efetiva.

É preciso levar em conta ainda que alguns fatores podem influenciar, como:

  • Clima: Fatores climáticos com chuva, vento, calor ou frio extremo, podem de alguma forma interferir no ritmo de trabalho da equipe, bem como no comportamento dos materiais.
  • Imprevistos com mão de obra: Doenças, acidentes de trabalho e outros imprevistos podem surgir, atrasar ou até paralisar a obra.
  • Imprevistos com materiais: Materiais com defeitos, em quantidade insuficiente ou outras características podem ser uma dor de cabeça para quem administra uma obra.
  • Imprevistos no terreno: Na construção da minha casa, em certo dia, depois de uma chuva muito forte surgiu um imenso buraco ao lado da obra, que era na verdade um formigueiro. Por sorte foi possível identificar e contornar o problema sem causar atrasos na obra.
  • Entre outros

Pressa atrapalha muito

Aprendi também que pressa é algo que não é muito bem vindo ao canteiro de obras. Eu tinha muita pressa quando construí e hoje me arrependo dela, pois acredito que muitas coisas poderiam ter sido mais bem feitas se não fosse a questão da pressa.

Tem hora que é preciso respirar e entender que por mais que planejamos, não temos o controle de tudo. As vezes um pouco de atraso ou ir em um ritmo mais lento não é necessariamente ruim. O resultado é importante e em termos de construção, consertar erros depois da casa pronta as vezes é muito desgastante. Pense nisso.

Nem tudo vai ficar como queríamos

Depois de planejar, administrar e fiscalizar de perto a construção da casa, aprendi que nem tudo fica como queríamos. Olho em volta e vejo coisas que não gosto, mas que foram feitas e foram feitas por que tinham de ser feitas. É preciso aprender a lidar com isso e entender que as vezes queremos algo que é inviável tecnicamente, operacionalmente ou até financeiramente.

Tenho uma colega de trabalho que é arquiteta e ela me disse que a gente acerta na terceira construção, ou seja, as duas primeiras é para aprendizado. Tem muito sentido esta fala, pois na primeira casa que fiz, cometi muitos erros. Já na segunda melhorou muito, mas ainda não saiu como eu queria. Quem sabe na próxima!

Gostou? Compartilhe



© 2012-2019 | Casa Dicas | Deus seja Louvado | Política de Privacidade