Dicas e informações sobre casa e construção

Mesa de madeira, vidro ou granito. Vantagens e desvantagens

Qual material é mais indicado para uma mesa de casa: madeira, vidro ou granito. Quais as vantagens e desvantagens de cada um desses materiais quando usados para este fim. Veja uma análise de vários tipos e formatos de mesa para uma casa.

A mesa é uma das peças mais essenciais em qualquer casa e o seu uso é antigo, sendo citado, por exemplo, na Bíblia várias vezes., O que mostra que o hábito de usar mesa é muito antigo e pelo visto não perdeu seu valor em nossos dias.

Como sabemos, hoje as mesas podem ser fabricadas em diferentes tipos de materiais, sendo que cada um deles pode oferecer vantagens, desvantagens e ter características que podem ser úteis a um local, mas nem tanto ao outro.

Mesa com quatro cadeiras

Veremos abaixo alguns tipos de mesa quanto ao material em que ela foi construída:

Vidro

A mesa de vidro é na verdade um termo que não se aplica de maneira adequada. Pois o que existe são mesas de madeira ou ferro, com o tampo de vidro.

A vantagem da mesa de vidro está no fato dela ser facilmente limpada ou lavada, se necessário. Não absorve sujeira e não mancha, sendo, portanto, muito útil para quem pensa em facilidade de manutenção.

Como desvantagem, podemos citar o fato de que é o material frágil e assim precisa ter algum cuidado no manuseio da mesma. Também, normalmente deve se usar uma cobertura, pois não é usual usar apenas o vidro sem uma cobertura de uma toalha, por exemplo, exceto se for uma mesa de escritório onde é possível usar desta maneira.

Veja aqui exemplos de mesas de vidro

Características das mesas de vidro

  • Como sabemos o vidro é o material sensível e, portanto, pode quebrar facilmente, isto significa que é uma mesa que exige um pouco mais de cuidado com o seu uso.
  • É fácil de limpar e não absorve sujeiras, nem tem problema caso algum líquido se derramar sobre ela, bastando apenas passar um pano seco para fazer a sua limpeza.
  • O vidro é o material muito resistente e a sua vida útil é muito longa, portanto, não desbota, não mancha e não perde a suas características visuais com o tempo.
  • Por ser transparente, sempre requer algum tipo de cobertura, a menos que isso não seja um problema para você.

Madeira

A madeira tem como vantagem a sua durabilidade e com isso é o material que você investe a longo prazo. É muito resistente e no caso de madeira maciça produz um ambiente bastante rústico e adequado inclusive a decoração de muitas casas.

Como desvantagem está no fato de que as boas mesas de madeira costumam ser caras, especialmente os casos de madeira maciça. Também é uma mesa é muito pesada e portanto não é aquele tipo de mesa para arrastar de um lado para o outro. É verdade que existem mesas de madeira são mais leves e que portanto nesse caso podem ser deslocados com mais facilidade.

Tipos e formatos:

  • Mesa maciça ou rústica: A mesa de madeira maciça ou rústica é muito usada em ambientes rurais, chácaras ou mesmo em áreas de churrasqueira onde é necessário mesa grande e bastante resistente. Sua característica rústica é que ela deve ser usada em um local que combine com o contexto do ambiente, ou seja, não é ideal para colocar na sala de jantar do seu apartamento, mas em uma chácara ou para quem tem casas maiores e uma área de churrasqueira mais rústica, por exemplo. Veja exemplos.
  • Retangular: A mesa retangular é mais adequada para sala de jantar, especialmente quando há um espaço maior. Ela também é bastante apropriada para área de churrasqueira e outros locais em que haja um pouco mais de espaço. Em sala de jantar normalmente ela acompanha por seis cadeiras. Veja exemplos.
  • Quadrada: Os modelos quadrados são muito apropriados para cozinha e para o uso em casas pequenas onde não há muito espaço para a mesa. Normalmente esse modelo quadrado é acompanhado de quatro cadeiras e muito apropriado para famílias pequenas, nas refeições e outras atividades domésticas. Veja exemplos.
  • Tampo de vidro: Um modo bastante usual de mesas de madeira é aquela que tem um tampo de vidro em cima, assim você alia a resistência e beleza da madeira, com a praticidade do vidro. Muitas mesas combinam uso desses dois materiais para oferecer um produto que atenda às necessidades tanto de beleza quanto de praticidade. Veja exemplos.
  • Dobrável: O modelo dobrável é muito indicado para espaços pequenos onde não há muito espaço para deixar uma mesa aberta. Assim quando ela não está sendo utilizada ela é dobrável e encostada na parede podendo ser fixa ou não. Quando ela precisa ser utilizada basta abrir e ela é uma mesa como qualquer outra. Contudo esse tipo de mesa, por suas características peculiares, costuma ser apenas em tamanhos pequenos, o que facilita o fato de ser dobrável e também por não exigir muito espaço quando aberto. Veja exemplos.
  • Cavalete: A mesa estilo cavalete é usada em locais onde você precisa fazer o deslocamento dela com facilidade. Ela é formada por pelo menos 2 cavaletes e um ou mais tampos que são colocados em cima. Muito usado em ambientes artísticos como ateliês, oficinas e outros ambientes profissionais, bem como em ambientes domésticos. Veja exemplos.
  • Pallet: A mesa no estilo pallet é muito usada atualmente por ter um visual bastante diferenciado e é muito apreciada por pessoas que gostam de inovar um pouco no estilo dos móveis. Ela pode ser criada de várias formas, mas a característica principal é o material que é usado, neste caso os paletes, tradicionais na indústria para acomodar mercadorias e matérias primas de todos os tipos. Veja exemplos.
  • Mesinha de centro: A mesinha de centro de madeira é uma peça decorativa bastante relevante em muitos ambientes. Normalmente ela é uma peça bem trabalhada e envernizada, que inclusive deves combinar com os demais móveis da casa. Ela já foi mais comum, mas ainda hoje é possível encontrá-la, especialmente em salas maiores que tenha bastante espaço para o seu uso. Veja exemplos.
  • Para escritório: As mesas de madeira para escritório são bastante resistentes e normalmente bem trabalhadas, com visual e aparência sofisticados. Elas podem ser feitas de vários tipos de madeira, mas o mais comum é o chamado MDF que permite a construção de mesas de canto, de computadores, nichos, mesas de reunião, entre outros usos. Veja exemplos.

Granito

O granito é um excelente material para construção de mesas, que normalmente vai ter os pés e a base de ferro, mas o tampão de granito.

A vantagem do uso desse material é a sua enorme resistência e o fato dele não deteriorar com o tempo. Pode receber objetos quentes ou frios e ainda pode ser facilmente lavado ou limpado, pois não absorve nenhum tipo de sujeira ou manchas.

Como desvantagens podemos citar o fato de ser uma peça extremamente pesada e portanto não é muito prática para o manuseio e deslocamento. Ainda que seja muito forte durável, por ser uma pedra ela pode quebrar e com isso deve exigir algum cuidado em caso de movimentação desse tipo de material.

Veja exemplos de mesa de granito.

Gostou? Compartilhe




© 2012-2019 | Casa Dicas | Deus seja Louvado | Política de Privacidade