Dicas e informações sobre casa e construção

Morar em bairro aberto ou condomínio fechado

Liberdade, custo, existência de comércios ou empresas de serviços por perto. Esses e outros fatores podem afetar a decisão de onde morar. Você prefere condomínio ou casa em bairro aberto?

Onde você prefere morar: Em bairro aberto ou em um condomínio fechado? Por muito tempo a tradição das moradias no Brasil foi os chamados bairros abertos que constitui a maioria nas cidades brasileiras. Pouco movimento, segurança boa e um relacionamento muito próximo entre as pessoas faziam com que a opção por condomínios fechados não fosse a preferência popular.

Mas os tempos são outros. O excesso de barulho, a falta de segurança, especialmente nas médias e grandes cidades e um visível afastamento das pessoas tem levado muita gente a optar por morar em condomínios fechados.

Já morei em condomínio fechado e embora atualmente more em baixo aberto, recentemente estive analisando a possibilidade de voltar a morar em um condomínio. Juntando a minha experiência à de outros relatos que encontramos por ai é possível traçar um perfil das características de cada um:

Bairro Aberto

  • Mais liberdade.

    Bairro aberto nos dá a sensação de mais liberdade, talvez seja apenas sensação. Ainda corrobora para este pensamento o fato de que em bairro aberto não há restrições quando ao tamanho ou estilo do imóvel, coisa que pode acontecer em alguns condomínios.

  • Custo.

    Algumas pessoas considera o custo pago em condomínio como um aluguel vitalício e por isso preferem o bairro aberto. Esta é sem dúvida uma questão importante para quem não quer ter gastos mensais com condomínio, que muitos consideram como se fosse o mesmo que o aluguel.

  • Comércio e serviços.

    Morar em bairros geralmente nos conecta mais facilmente com comércios e serviços próximos, como farmácias, supermercados, padarias, etc. Geralmente os condomínios fechados tender a ficar em regiões mais afastadas.

  • Mais opções de imóveis.

    Geralmente a maioria dos imóveis está localizado em bairro aberto, assim é bem mais fácil encontrar uma casa para comprar nesses locais do que em condomínio. Também pode haver maior variação de tipos de imóveis, que vão desde os mais simples ao mais sofisticado. Nos condomínios geralmente as construções são de padrão médio ou alto.

Condomínio Fechado

  • Mais privacidade.

    Este é um ponto forte para quem busca privacidade pessoal ou familiar. O acesso ao condomínio geralmente só acontece quando a pessoa é autorizada a entrar, evitando assim visitas indesejadas, bem como movimentação desnecessária na porta da sua casa.

  • Melhor segurança.

    Mesmo com os diversos problemas de roubo e furtos ocorridos em vários condomínios, este ainda é um ponto importante a ser considerado. Apesar de não ser 100% seguro, o fato de ter portaria, ronda interna, câmeras de segurança e outros recursos, ajuda muito no aspecto da segurança.

  • Custo do condomínio.

    Tudo isso tem um preço e em alguns casos a conta pode ser salgada. Se o condomínio for vertical e o uso de elevadores for necessário, o custo aumenta mais ainda.

  • Tendência e valorização.

    A tendência de moradia em condomínio fechado é cada vez maior nas cidades de médio e grande porte no Brasil. Não é preciso dizer que a falta de segurança que temos aqui é o grande motivador deste tipo de moradia que cada vez mais vem ganhando novos adeptos. Talvez por conta disso mesmo os imóveis nesses locais sejam bem mais valorizados.

Conclusão

Os exemplos acima não se esgotam e certamente não é fácil decidir, pois há fatores favoráveis e contrários em ambos os casos. Creio que a experiência anterior de cada um com moradia, o estilo de vida e as projeções para o futuro são pontos que usamos nesta decisão.

E você prefere morar em condomínio ou bairro aberto? Use o formulário abaixo e dê sua opinião sobre a melhor forma de moradia.

Gostou? Compartilhe



© 2012-2019 | Casa Dicas | Deus seja Louvado | Política de Privacidade