Dicas e informações sobre casa e construção

Diferença de casas antigas e contemporâneas

Casas antigas e contemporâneas com certeza têm muitas diferenças entre si, e isso não dá para negar. Uma casa antiga ainda é bem vista? Por que em outros países há casas centenárias e aqui não? Veja as respostas a essas e outras perguntas.

Casas antigas e contemporâneas com certeza têm muitas diferenças entre si, e isso não dá para negar. Inclusive é fato mais do que sabido que algumas pessoas preferem as casas mais velhas, e outras gostam mais das que tem cheirinho de novo.

Seja como for, o fato é que é muito complicado entender o que diferencia uma casa da outra, ao menos se você é completamente leigo nesse assunto, e esse é justamente o caso de muitas pessoas.

Isso pode ser um problema, especialmente se você está interessado em uma casa e não sabe se ela se adequa ou não aos seus anseios, aos seus sonhos. Já imaginou fazer um investimento grande em um lugar que você não ama?

Casas antigas e rústicas

Sendo assim, a seguir nós vamos falar sobre o que distingue as casas mais antigas e rústicas das que consideramos contemporâneas, para que você possa fazer a sua futura mudança tranquilo de que fez a melhor escolha possível. Confira!

As principais diferenças entre as casas antigas e contemporâneas

1 – O espaço

As casas antigas ofereciam muito espaço para os seus moradores. Não havia tanta gente nas cidades ou no campo, e a intenção dos construtores era oferecer bastante lugar para que as pessoas pudessem viver com qualidade.

Sim, espaço significava qualidade de vida e era um convite também para que os casais tivessem mais filho. É importante lembrar que ao menos no nosso país a taxa de natalidade caiu apenas nas últimas 3 décadas. Antes ter 3, 4 filhos era normal e para criar tantas crianças espaço era fundamental.

Hoje essa realidade não existem mais. A maioria das famílias vive em casas de 1 ou 2 quartos no máximo, e quando são mais ambientes eles são bem pequenos e apertados. O espaço não é mais a prioridade e já não se passa tanto tempo nas casas como antigamente, então isso deixou de ser tão importante.

Além disso, as famílias diminuíram progressivamente. A maior parte dos casais hoje não tem mais de dois filhos, e cresceu a quantidade de casais que se contentaram com um único herdeiro. Nesses casos ter cômodo sobrando em casa significa gasto e não é algo válido atualmente.

2 - A arquitetura

Os estilos arquitetônicos mudam com o tempo e a natural que quando comparar uma casa muito antiga com uma atual, fique bastante evidente as diferenças arquitetônicas entre elas.

Enquanto antigamente era comum as estruturas mais rústicas, atualmente utiliza-se muito elementos modernos na construção de casas como uso de vidro, as cores variadas, as formas irregulares, bem como diversos outros recursos que têm sido usados nas construções mais modernas.

Também podemos observar o fato de que as construções antigas, especialmente as de mais alto padrão, tinha geralmente pé-direito muito alto, uso de muita madeira, inclusive para assoalhos e o típico telhado colonial que é bastante marcante nesse tipo de construção.

3 – A decoração

Decoração de casas modernas

Um dos principais pontos que diferenciam casas antigas e contemporâneas é que elas tem decorações muito distintas, e talvez a principal diferença nesse sentido esteja na quantidade de móveis!

As casas de antigamente tinham uma verdadeira profusão de armários, escrivaninhas e outros tipos de objetos que serviam para colocar coisas. Hoje em dia é bem diferente, e você deve perceber isso com tranquilidade.

Quando entramos em uma casa mais moderna rapidamente notamos que a decoração é mais clean, limpa e que não existe excesso de informação. Cores demais também são raridade, ao contrário de antigamente.

Além disso, os móveis são mais funcionais e justamente por esse motivo não se precisam de tantos, o que é ótimo, porque significa uma economia no dia a dia das pessoas, de modo geral!

4 – A informatização

As casas de antigamente se tinham televisão e rádio já eram bastante modernas. Hoje uma casa tem no mínimo mais de um computador, e conta com adventos inclusive para torna-la mais tecnológica, como alarmes e luz que acende por sensor!

Mas o uso da tecnologia não para por aí, especialmente nas casas de mais alto padrão onde é possível contar com uma infinidade de recursos tecnológicos que tornaram a casa bastante informatizada com possibilidades de mais evolução ainda.

Podemos citar alguns exemplos como o uso de tecnologia moderna nas atuais construções:

  • Geração própria de energia elétrica através de painéis solares, a chamada energia solar fotovoltaica.
  • Dispositivos conectados à internet como computadores, celulares, TV Smart, dentre outros.
  • Sistema de iluminação inteligente com uso de sensores e outros recursos tecnológicos.
  • Eletrodomésticos de última geração que tornam a vida em casa bastante confortável se comparado as antigas casas do passado.
  • Dentre outros.

Perguntas e respostas

Quais casas são mais valorizadas?

Isso depende muito do gosto de casa pessoa, então é difícil dizer, porque alguns preferem as antigas e as novas. Geralmente as construções modernas tendem a ser mais valorizadas, mas dependendo da estrutura da casa, uma construção antiga pode ser bem valiosa também.

Por que em outros países há casas centenárias e aqui não?

Para quem assiste esses programas de TV de compra e venda de imóveis ou de reformas de casas em outros países já deve ter notado que eles tem o hábito de datar as casas e dizer quando ele foi construída. O que também chama a atenção é que muitas dessas casas são centenárias e ainda assim estão lá bonitinhas e tem grande valor.

No Brasil a coisa é um pouco descartável e uma construção de 30 anos de idade aqui, as vezes já está caindo aos pedaços. Há duas razões para isso: Primeiro é o pouco hábito que temos de fazer reformas e manutenções constantes. A segunda e principal forma é o método construtivo. Muitas casas são feitas de qualquer maneira e usando métodos e materiais de segunda linha, que não irão ter a devida durabilidade.

Uma casa antiga ainda é bem vista?

Sim! Para muitas pessoas a casa antiga tem charme, tem um toque especial de nostalgia e de memórias reunidas, então pode ser realmente atraente para certos indivíduos. E você, prefere o que entre as casas antigas e contemporâneas?

Gostou? Compartilhe




© 2012-2019 | Casa Dicas | Deus seja Louvado | Política de Privacidade