Dicas e informações sobre casa e construção

Tipos de ventiladores: Teto, parede, circulador, de mesa e outros

Conheça os diversos tipos de ventiladores com inúmeras imagens ilustrativas de cada modelo, como os de mesa, de torre, teto e parede, os modelos industriais e outros exemplos.

A ventilação ou circulação de ar é de grande importância em uma casa ou prédio qualquer. No Brasil como o calor é forte nos meses de primavera e verão, ter um ventilador por perto é uma necessidade no trabalho, na escola ou em casa.

Existem diversos tipos de ventiladores, desde os mais simples e baratos a modelos industriais bem potentes, capazes de produzir forte ventilação no local desejado.

Escolhendo o tipo certo de ventilador

Toda casa precisa de um ventilador para fins de refrigeração. Os ventiladores não apenas circulam o ar na sala, mas também ajudam a manter o nível de umidade. Hoje, existem inúmeras variedades de ventiladores disponíveis no mercado, dependendo de suas necessidades, seja para salas grandes ou pequenas, seja sem lâminas ou com lâminas, você tem tudo. O truque está em escolher o leque certo para uma determinada área ou necessidade.Veja a listagem abaixo:

Ventilador de teto

O modelo de teto é um dos mais eficientes em termos de circulação de ar dentro de um cômodo qualquer de uma casa, isto porque pelo fato de ele estar acima de tudo e não ter nada em sua frente, a distribuição do vento é mais uniforme e direta. Também é preciso levar em conta que as pás do ventilado de teto é geralmente maior que os modelos convencionais e isto proporciona mais ar para ser distribuído.Um eletrodoméstico amplamente utilizado, ventiladores de teto vêm em variedades de estilos, formas e cores para melhor coincidir com a decoração do seu quarto.Eles são ótimos para circulação de ar em todo o quarto.

Veja aqui exemplos de ventiladores de teto

Ventilador de parede

Os modelos de parede são também bastante eficientes em termos de ventilação e boa parte deles são formados por aparelhos com ventilação muito forte e potente, tanto é que eles são geralmente usados em grandes espaços, como empresas, igrejas, lojas e outras construções de maior porte.

Veja aqui exemplos de ventiladores de parede

Ventiladores de mesa

Esses são os modelos mais convencionais e usados em boa parte das residências. São os mais baratos e simples, contudo, não deixam de ser eficientes para pequenos locais ou para uma ventilação mais direcionada. Por ser móvel eles têm a vantagem de poder serem usados em qualquer parte da casa.

Veja os exemplos de ventiladores de mesa

Ventiladores de colunas ou de pé

Eles podem ser tanto domésticos como industriais, isto é, há modelos mais simples para serem usados em casa e modelos mais potentes para locais maiores e que precisa de uma ventilação mais forte. Também são móveis e podem ser transportados para serem usados em outros ambientes.

Aqui vários exemplos de ventiladores de coluna ou de pé

Ventiladores de torre

Também conhecidos como circulador de ar, é um modelo pouco eficiente em termos de ventilação e deve ser usado em pequenos ambientes ou mesmo quando a pessoa não quer um volume muito forte de ar.

Veja exemplos de circuladores de ar

Ventilador industrial

Este tipo não está preso a um modelo específico, o que o diferencia geralmente é a sua potência, já que ele é muito mais potente que os modelos convencionais e são adotados em locais de grande concentração de pessoas ou de prédios maiores como escolas, igrejas, indústrias, lojas e outros locais.

Veja exemplos de ventiladores industriais

O que afeta o desempenho do ventilador?

Certos fatores afetam o desempenho dos ventiladores, como não escolher o ventilador certo de acordo com o espaço, a altura do teto e assim por diante.Agora,vamos analisar dois fatores críticos que afetam significativamente o desempenho dos fãs.

      1. Tipo de duto e sua instalação

Se não forem adequadamente escolhidos, os tipos de dutos tendem a criar uma resistência ao fluxo de ar.

Duto Menor = aumento da resistência ao fluxo de ar

Curvas e torções no duto = aumento da resistência ao fluxo de ar

Dutos mais longos = fluxo de ar cada vez mais reduzido

Normalmente, as pessoas tendem a pensar que o diâmetro do duto e da tubulação não é uma preocupação. Muitas pessoas optam por usar dutos menores devido ao espaçamento limitado.Mal sabem eles que,reduzindo o diâmetro do duto, eles estão “engarrafando” o ventilador,o que naturalmente cria uma resistência, colocando mais pressão sobre o motor.Além disso, tente manter o duto funcionando tão direto e direto quanto possível para a máxima eficiência do ventilador.Qualquer tipo de flexão reduzirá o fluxo de ar.

     2. Instalação antiga

Se o seu sistema de instalação é antigo, você deve verificar se há furos e vazamentos. Se a instalação do duto não estiver em boa forma, seu ventilador ficará naturalmente atrasado no desempenho.

O que devo considerar ao comprar um ventilador?

Ao comprar um ventilador,você deve considerar alguns fatores para que o ventilador possa ter o mais alto nível de eficiência.Esses fatores incluem o tamanho da sala,altura do teto,tipo de motor que você deseja em um ventilador,eficiência energética, lâminas ou sem lâminas,e assim por diante.

Gostou? Compartilhe



© 2012-2019 | Casa Dicas | Deus seja Louvado | Política de Privacidade